Veja como não cair em golpes de empréstimo empresarial

Golpes de empréstimo empresarial estão cada vez mais comuns no Brasil. Se está considerando a contratação desse tipo de serviço, então, a leitura deste artigo é de extrema importância para você.

Com os recentes impactos na economia brasileira causados pela crise financeira e pelas incertezas políticas, as famílias brasileiras sentiram no bolso e, como esperado, as dívidas começaram a aumentar. Assim, algumas pessoas desonestas se aproveitam do momento para oferecer falsos serviços de crédito.

Mesmo para quem é empresário e precisa de empréstimo para investir no próprio negócio, as opções encontradas na rede e até em outros meios de comunicação são tentadoras, mas, é preciso muito cuidado para não ser mais uma vítima de golpes. Confira, a seguir, excelentes dicas para se prevenir. Boa leitura!

Desconfie de ofertas muito fáceis

Quanto mais fácil parecer a oferta, maior é o risco de fraude.

Normalmente, solicitações de empréstimo, mesmo em instituições que o fazem de forma completamente online, são processos que envolvem documentos importantes, verificação da situação cadastral em órgãos de inadimplência e outros tipos de análise.

Se o processo for feito completamente por telefone ou sem nenhum tipo de análise de crédito, desconfie!

Pesquise o histórico da empresa

Há, no mercado, inúmeras empresas de crédito, mas, quantas delas são realmente confiáveis?

Atualmente, é possível obter informações relevantes sobre qualquer empresa apenas com alguns cliques. Procure pelas redes sociais, confirme o CNPJ, verifique o histórico de reclamações no “Reclame Aqui” etc.

Nessa busca, além de descobrir se a empresa é ou não de confiança, você pode acabar o “verdadeiro” site da empresa. Afinal, pode ser que a instituição que você tenha encontrado, na verdade, esteja se passando por uma empresa de renome, informando telefone para contato e e-mail falsos.

Conheça as taxas e os termos do contrato

Ler com extrema atenção o contrato que você está prestes a assinar é um pré-requisito para não cair em golpes ou acabar se endividando por conta de taxas e acréscimos que você só descobriria no pior momento possível.

Solicite o contrato (ainda que via e-mail) antes de fechar qualquer acordo. Somente assim você terá certeza de todos os detalhes que o envolvem.

Além disso, empresas sérias não aceitam que as parcelas do pagamento comprometam mais que 30% de sua renda. Se a instituição que você contatou não o informou dessa condição, tome cuidado.

Não realize depósitos antecipados

Uma forma comum de realizarem golpes de empréstimo consiste em solicitar um pagamento antecipado para, supostamente, cobrir o “seguro” ou arcar com “custos processuais”. Em geral, os valores variam entre 3,5% e 10% do valor total do crédito.

As instituições que realmente trabalham com esse tipo de serviço não costumam pedir nenhum tipo de depósito antecipado para liberação do dinheiro.

Não faça depósitos em contas de pessoas físicas

Além do depósito adiantado, outro forte sinal de que a oferta não passa de um golpe é a utilização da conta bancária de uma pessoa física em que deverá ser depositado o devido dinheiro.

Isso é um claro sinal de que a pessoa que o atende não representa uma empresa legalmente constituída ou que não representa a instituição que alega representar.

No mais, a dica é sempre pesquisar muito bem e tirar todas as dúvidas antes de fechar qualquer acordo. É possível, de fato, encontrar opções interessantes na internet, mas é preciso tomar muito cuidado para não cair em golpes de empréstimo empresarial!

Gostou desse conteúdo que preparamos e quer ver mais artigos como esse? Basta assinar nossa newsletter!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Rolar para cima