equipes produtivas

Como criar equipes produtivas

A força de uma empresa está no trabalho coletivo empregado por seus colaboradores. Obviamente nenhum negócio vai para frente sem o esforço de pessoas. No entanto, em muitas organizações, é difícil encontrar equipes produtivas. Parece que entraram no piloto automático, reservando sua energia apenas para cumprir protocolos mecânicos.

No entanto, a motivação de um grupo está muito relacionada às ações da liderança. É claro que são muitos desafios para conquistar o engajamento dos profissionais, mas existem estratégias e técnicas simples que comprovadamente trazem resultados incríveis.

Neste artigo vamos compartilhar com você essas medidas que vão elevar a produtividade da sua equipe, em pouco tempo e com baixos custos. Continue a leitura e descubra!


Se você chegou aqui em busca de crédito para investir no seu negócio, a Nexoos possui as melhores taxas de juros para sua empresa! Não precisa de garantias reais e o processo online é rápido, simples e seguro. Simule!

Você sabe o que são equipes produtivas?

A equipe produtiva se reflete na produtividade de toda a empresa. Afinal, não existe uma empresa produtiva, mas sim pessoas produtivas. Times engajados apresentam diversas características que impactam o negócio muito positivamente:

  • sinergia em alta: a solidariedade e a cooperação promovem debates saudáveis que geram ideias, com agilidade, em um ambiente em que as pessoas se sentem valorizadas e ficam engajadas para cumprir os objetivos do negócio;
  • comunicação sempre aberta: equipes produtivas conversam livremente e tem o feedback como uma ferramenta de crescimento, em uma via de mão dupla (dão e recebem). As informações estão sempre disponíveis, deixando claros os objetivos e as expectativas em relação ao trabalho. O líder compartilha conhecimentos e envolve todos na tomada de decisões;
  • seguros do que estão fazendo: equipes produtivas não tem medo, e se sentem confiantes para expor suas ideias e opiniões. Reconhecem que cometer certos erros faz parte do processo, tornando o ambiente de trabalho um local de constante aprendizado;
  • entregam resultados: equipes produtivas sabem o que estão fazendo e cumprem suas tarefas de modo eficiente, contribuindo diretamente para o crescimento da empresa e o fortalecimento da marca.

Esses comportamentos e características de equipes engajadas e que colaboram uns com os outros podem ser desenvolvidos e motivados pelo gestor. A seguir vamos apresentar algumas práticas que contribuem para isso!

Quais as melhores práticas para desenvolver equipes produtivas?

Promova programas de treinamento

O treinamento é um dos principais meios de garantir que as equipes possam fazer o que se espera delas, com base nas melhores práticas do mercado. Pessoas capacitadas se sentem mais confiantes do que estão realizando, trabalham de modo mais coeso e mais produtivo.

Uma vez que o mercado passa por rápidas transformações, é necessário não manter um programa de treinamento que faça constantes intervenções, acompanhando a busca crescente pela produtividade e a apropriação de novas tecnologias e ferramentas disponíveis.

Outro papel importante do programa de treinamento é a construção e o fortalecimento da cultura organizacional, que ajuda as equipes a construírem uma forte identidade e contribui para que a empresa se diferencie em seu mercado de atuação.

As habilidades práticas que as equipes desenvolvem em programas de treinamento são indispensáveis para alcançar um nível de produtividade superior. Inclusive, tais capacitações podem abarcar processos específicos, dentro das necessidades do negócio. Dessa forma, ele é capaz de reduzir e eliminar falhas, acelerar a execução de tarefas e promover motivação e comprometimento nas equipes.

Seja inspirador

Um líder inspirador pode ser tudo o que uma equipe precisa para ganhar confiança e produzir mais, e com maior engajamento. Na verdade, os profissionais estarão não só engajados, mas também inspirados, e profissionais inspirados são mais produtivos.

Ao contrário do que muitos pensam, ser inspirador não é um dom, mas uma habilidade que pode ser desenvolvida pelo gestor. Existem muitos atributos que ajudam os líderes a ser inspiradores em pelo menos 4 áreas:

  • desenvolver recursos humanos: ser resistente ao estresse, ter autoestima e ser otimista;
  • definir o tom: ser altruísta e aberto a diálogos e ter responsabilidade;
  • liderar a equipe: dar apoio, ter visão de futuro e manter o foco;
  • relacionar-se com outros: ter empatia e humildade.

Essas qualidades atraem e motivam. Especialmente aqueles que conseguem se manter calmos e demonstrar empatia conseguem cativar suas equipes e conquistar maior engajamento.

Tenha clareza nos objetivos

As equipes produtivas sabem exatamente o que, quando e de que modo aquilo que foi proposto vai ser entregue. Lembre-se de que, se não existe uma definição clara, tudo fica urgente, e ninguém consegue priorizar o que é mais importante.

Utilize indicadores de desempenho

As pessoas gostam de saber como estão se saindo, se estão próximos ou distantes das suas metas. Algumas organizações criam metas, deixam claros seus objetivos, mas, após a entrega, não informam para suas equipes quais foram os resultados dos trabalhos. Dessa forma, os profissionais ficam perdidos e não têm base para avaliar sua própria performance.

Existem diversos tipos de indicadores, e o gestor deve criá-los com base no que se deseja ser avaliado. Por exemplo, volume de vendas, novas contratações, progresso de um projeto específico etc. Esse feedback é fundamental para desenvolver equipes produtivas.

Adote uma ferramenta para gerenciar os trabalhos

Gerenciar o trabalho de uma equipe não é uma tarefa fácil. São muitos processos que ocorrem ao mesmo tempo, de modo que é vital o gestor adotar uma ferramenta que possa ajudá-lo a delegar responsabilidades e acompanhar o progresso em cada fase. Somente dessa forma ele conseguirá gerenciar as atividades e manter as equipes realmente produtivas.

Existem no mercado diversas ferramentas para o gerenciamento de equipes, como Trello, Slack, Runrun.it e Asana — algumas delas são até gratuitas.

Padronize a comunicação interna

A comunicação é um dos principais pilares de uma equipe produtiva. Mas ela precisa ser padronizada. É preciso que o gestor adote um método, processo ou uma ferramenta que se torne o meio oficial para deletar tarefas internamente, divulgar mudanças em projetos, convocar a equipe, entre outras ações.

Assim, sempre que a equipe precisar de uma informação, ela saberá onde encontrar. Da mesma maneira, todas as tarefas ficam reunidas em um único lugar. Muitas das ferramentas de gestão ditas no tópico anterior têm mecanismos de comunicação que podem ser utilizadas. Mas há outros, desde um simples e-mail e até a escolha de um profissional que tenha a função de passar informes e delegar tarefas.

O crescimento de uma empresa está nas mãos de equipes produtivas. Para conseguir esse time valioso, é necessário adotar estratégias vencedoras. Dessa forma, você terá profissionais engajados, unidos e que entregam resultados!

Quer saber mais sobe como fazer sua empresa alavancar no mercado. Leia nosso próximo post sobre como criar metas par ao crescimento do seu negócio!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Rolar para cima