O que é Business Intelligence e como aplicar na sua empresa

Como empresário, você deseja o crescimento do seu negócio, certo? E há vários caminhos para isso: obter crédito, lançar um novo produto no mercado, atrair novos clientes para a empresa, entre outros. O que fazer para aumentar as chances de essas estratégias serem bem-sucedidas? O segredo está no Business Intelligence (BI).

Certamente, você já ouviu muito falar nessa metodologia. Mas a prática pode ainda estar distante dos seus processos. O que fazer então para adotá-la ao tomar decisões de negócios?

Neste post, vamos discutir sobre o impacto que o BI tem causado nas organizações e como tomar os primeiros passos nessa gestão baseada em dados!

Se você chegou aqui em busca de crédito para investir no seu negócio, a Nexoos possui as melhores taxas de juros para sua empresa! Não precisa de garantias reais e o processo online é rápido, simples e seguro. Simule!

 

O que é BI (Business Intelligence)?

Business Intelligence — Inteligência de Negócios ou Inteligência de Mercado, em português — é um método que se baseia na tecnologia para auxiliar as empresas na tomada de decisões. O sistema consiste no uso de software de ponta a fim de realizar a coleta e a interpretação de dados para fazer o gestor abandonar o instinto e partir para o profissionalismo ao nortear o rumo do negócio.

Por esse motivo, BI e Big Data são dois conceitos que andam ombro a ombro. Imagina que é possível lançar mão de todo o volume de dados (estruturados ou não) que impacta o negócio todos os dias e usá-los para avaliar a relevância das decisões tomadas.

Assim, a cada estratégia que o gestor tomará, haverá uma base comprovada em números e fatos. Dessa forma não há margem para o achismo ou para julgamentos subjetivos. Afinal, como dizem, “os números não mentem”.

O Big Data tem tido um papel importante em fomentar práticas de Business Intelligence. O montante de dados gerado todos os dias pelas empresas as impulsiona a usar essas informações de forma organizada e estratégica a fim de garantir melhores resultados.

O que é possível fazer com as técnicas de BI?

Os sistemas de BI são capazes de transformar informações e números em referências a serem aplicadas nas decisões estratégicas. Os indicadores são organizados e agrupados em painéis de visualização para a clara avaliação das informações, o que otimiza o processo.

Entre as principais informações e ações que podem ser trabalhados, estão:

  • padrões de comportamentos de usuários (fornecedores e clientes);
  • tendências de consumo;
  • práticas da concorrência;
  • recorrência de falhas e atrasos em entregas e processos;
  • levantamento de riscos.

A ideia é trabalhar com dados de forma rápida e eficiente, transformando-os em conhecimentos e insights que possam fornecer vantagem competitiva ao negócio, não levando dias ou semanas de análise, mas em questão de segundos ou minutos.

Para isso, é necessário seguir 3 etapas básicas:

  • coleta e organização dos dados;
  • análise e visualização;
  • monitoramento para dar suporte às decisões.

Que benefícios gera no negócio?

Redução de custos

De diversas maneiras é possível reduzir custos com a aplicação de técnicas de BI. Por exemplo:

  • setor de compras: com base em indicadores de qualidade, custo, eficiência e tempo de entrega, os processos de BI podem ajudar a organização a contratar fornecedores que apresentem o melhor custo-benefício;
  • marketing: o BI avalia o desempenho das campanhas de marketing com base nos indicadores relacionados ao resultado, como geração de leads e engajamento do público. Assim, é possível redirecionar o investimento em aspectos que possam contribuir para a empresa atingir seus objetivos, focando no aumento do nível de qualidade das ações;
  • recursos humanos: eliminar cargos e demitir funcionários são ações que podem ajudar a reduzir custos. No entanto, são processos que exigem muito cuidado. As informações levantadas pelo Business Intelligence podem ajudar nas decisões. Elas indicam os colaboradores que apresentam baixo rendimento, independentemente do cargo;
  • vendas: é possível identificar produtos menos rentáveis e investir naqueles que trazem melhores resultados para o negócio.

Maior eficiência e produtividade

As empresas lidam hoje com um volume enorme de dados. Não raro, os profissionais precisam lidar com tarefas de análise muito complexas que envolvem diferentes fontes. As ferramentas de BI são capazes de economizar muito tempo de trabalho.

Além disso, o cruzamento e a análise das informações podem revelar falhas e gargalos que travam as operações do negócio e das equipes. Ao resolver esses obstáculos, o time consegue aumentar consideravelmente sua produtividade.

Mais oportunidades de negócios

Oportunidades de negócios podem representar um grande crescimento para a empresa, e por isso nenhum empreendedor quer perdê-las. Quando se usa BI, é possível conseguir entender melhor o comportamento dos clientes e detectar até mesmo tendências de consumo para o futuro. Isso é o que chamamos de análise preditiva.

Além disso, os dados podem revelar demanda de serviços e produtos ainda não atendidos a fim de atingir uma fatia de mercado promissora. Daí surgem insights importantes para encontrar oceanos azuis, ou segmentos sem concorrência, e chegar na frente, tornando-se referência no mercado.

Prevenção de riscos

O risco faz parte de qualquer negócio, em qualquer segmento. O importante é que ele seja mantido sob controle e, sempre que possível, evitado. Podemos inclusive categorizar os tipos de riscos a que as empresas estão sujeitas:

  • risco financeiro;
  • jurídico;
  • operacional;
  • imagem no mercado.

Todos esses riscos devem ser classificados e listados conforme seu grau de dano e probabilidade de ocorrerem. Para ilustrar, considere o risco de ter a imagem da empresa manchada na mídia por causa de informações falsas propagadas. É preciso tomar medidas preventivas, que incluem treinamentos de funcionários, auditorias e qualidade das informações fornecidas, campo em que as ferramentas de BI podem auxiliar.

Os caminhos de aplicação do Business Intelligence são muito diversos. Mas como torná-lo uma realidade no seu negócio? Vejamos!

Como começar a aplicá-lo agora mesmo?

Para utilizar BI no seu negócio, um dos principais caminhos é adotar uma solução de Business Intelligence. Mas antes, é preciso fazer um levantamento de quais são as necessidades da sua empresa — porte, natureza das suas operações, número de funcionários, riscos etc.

Lembre-se de que BI não se trata apenas de tecnologia. Envolve também uma série de técnicas que ajudam a aprimorar a forma como a empresa lida com os dados que tem à sua disposição, utilizando-os como insumo para nortear suas decisões e aprimorar seus processos corporativos — é essa cultura que você precisa desenvolver no seu negócio desde já!

Que tal conferir nossas outras postagens para continuar aprimorando a gestão da sua empresa e se informar sobre as melhores oportunidades de investimentos? Acompanhe nosso blog e saiba mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Rolar para cima